23/09/2010

Dentista é caro?




Origem: F Cor:* Sabor: Óleo de cravo
Trilha sonora sugerida para a eitura do post:



Não sei se vocês sabem, mas sou cirurgiã-dentista terminando de me especializar em Odontopediatria, que é a parte da odontologia que cuida da parte de pré-natal (gestantes), bebês, crianças e adolescentes.
Já sei, você deve estar se perguntando por que os bebês precisam de dentista se não tem dentes?
E eu respondo com uma outra pergunta, que é: De onde você tirou que dentista cuida só de dente? Mas isso é assunto para outro post.
No post de hoje vou falar sobre o preço do tratamento odontológico, “por que dentista é tão caro?”, pois é, não é de hoje que me fazem essa pergunta.
Para começar, vale lembrar que ter saúde bucal é ter saúde, que sua boca com todos os problemas que ela pode apresentar não esta fora do seu corpo e que as doenças bucais não estão isoladas podendo trazer conseqüências para todo o seu organismo, portanto, este é apenas um dos motivos pelo qual afirmo que dentista não cuida só de dente.
Doença é doença em qualquer parte do corpo, coração, dedo do pé, dente, sangue, gengiva... toda doença pode trazer conseqüências graves e se não tratadas levar a morte.
Mas vamos fazer um paralelo entre o tratamento de uma doença bucal , por exemplo uma cárie e outra doença qualquer como por exemplo uma doença estomacal.
Via de regra, quando alguém esta doente, por exemplo com dores de estomago, a primeira coisa a fazer é procurar um médico, geralmente um especialista, que por sua vez vai recebê-lo em seu consultório, fazer algumas perguntas, examiná-lo, pedir alguns exames e receitar um medicamento para aliviar os sintomas e começar a tratá-los, enquanto os exames não ficam prontos, para tanto ele gastou apenas algumas folhas de papel e tinta de caneta e carimbo (se é que ele não ganhou de alguma empresa farmacêutica) e claro todo seu estudo e conhecimento na sua área, isso vai ter um custo, os honorários da consulta (perceba que ainda não temos um diagnóstico fechado nem um tratamento efetivo), digamos que este custo é de 10X e dá direito ao retorno.
Depois disso o paciente em questão, vai passar numa farmácia para comparar o remédio da receita, que também terá um custo, digamos que de 5X e posteriormente terá que procurar um laboratório ou clínica especializada para fazer os exames pedidos, que levarão algum tempo até ficar prontos e terão outra vez um custo, que agora digamos será de mais 10X.
Com os exames em mãos este mesmo paciente vai voltar ao especialista, que depois da analise dos exames, de mais algumas perguntinhas vai então fechar o diagnóstico e receitar, agora sim, os medicamentos para o efetivo tratamento que este paciente vai fazer em casa e portanto seu sucesso dependerá apenas do próprio paciente, que vai voltar à farmácia comprar os outros remédios que desta vez digamos que custará 7X.
Total gasto com o tratamento do estomago = 32X

Agora vamos ao paciente com dor de dente (causada por cárie), este, assim como o paciente das dores de estomago, também procura o dentista, (mas não procura um especialista, procura o que foi bom pro amigo (que por sua vez vai neste profissional para colocar aparelho), ou o que esta mais perto de casa ou do trabalho (o que é um descaso consigo e com sua saúde e também é assunto para outro post) que também o receberá em seu consultório, fará algumas perguntas, examinará e possivelmente pedirá uma radiografia, que será feita na hora ali mesmo no consultório, com o custo de 3X e sem perda de tempo já fechará o diagnóstico propondo imediatamente o tratamento, que será feito por ele, dividindo assim com o paciente a responsabilidade pelo sucesso do mesmo, para isso o paciente não vai precisar ir no laboratório ou em outra clínica, nem na farmácia, pois os medicamentos necessários já estão no consultório, o que também terá um preço e digamos que este preço é de 12X e caso se faça necessário, o dentista vai receitar um medicamento, para ser tomado em casa, que no máximo custará 5X. O paciente sai com o exame (radiografia) feito, o diagnóstico fechado e o tratamento (com os medicamentos necessários inclusos) concluído.
Perceba que o cirurgião-dentista gastou além de folhas de papel, tinta de caneta e carimbo e seus estudos e conhecimento na área, também o material e a técnica necessária para o exame radiográfico e o material e a técnica necessária para o tratamento do dente propriamente dito.

Total do tratamento da dor de dente, se necessário de medicação em casa = 20X

Diante disto caro leitor agora sou eu é que te pergunto, por que você acha tão caro tratar da sua saúde bucal?

E lembre-se, não é mentira que “O dente mata”, como já dizia aquela antiga campanha do ministério da saúde.

Pense nisso!


*** Este post foi previmente publicado em dentistaemsaojosedoscampos.blogspot.com

3 comentários:

Luciana De La Vega disse...

Não sabia que tu és dentista. Meus parabéns! É um profissional que admiro. Trabalhei por alguns anos na biblioteca da Faculdade de Odontologia da UFRGS. Adorava, foi tempo muito bom.
Ah! Sou bibliotecária.

Mas voltando àquele assunto, então xará, tu és prima do fulaninho? hahahhauhahua Foi brincadeira! Não resisti. Fui procurar saber dos candidatos a governador de SP e acho que identifiquei o fulaninho. hehehehe

Muito obrigada pelo recadinho no meu aniversário. Fiquei feliz!

http://loiradecorderosa.blogspot.com/

jefhcardoso disse...

Gostei muito de sua postagem! Soube vender bem o produto! (brincadeira e sorrio)
Minha esposa sempre cuidou da boquinha dos nossos bebês, antes do nosso primeiro filho nascer, ela foi procurar orientação odontológica.

Quero aproveitar e lhe convidar para ler “É Primavera” no meu http://jefhcardoso.blogspot.com
Será um prazer lhe receber.

“Para o legítimo sonhador não há sonho frustrado, mas sim sonho em curso” (Jefhcardoso)

Paulo Tamburro disse...

OI LU,

escondendo da gente que era dentista, né? rs.

Realmente, seu texto é pegagócico e educativo e leva-nos a uma reflexão, que muitos ignoram.

Tenho um parente na família que estava ficando totalmente, incapacitado para andar com dores absurdas no corpo etc...

Vários médicos consultados, muitos analgésicos e antiinflamátórios e sempre voltada tudo.

Até que , forçado a ir ao dentista por uma queda de uma prótese, o dentista tirou uma radiografia panorâmica de toda sua arcada dentária e diagnosticou focos infecciosos e generalizados na sua boca.

Hoje está, absolutamente curado!

É isso aí, e também aproveito para pedir-lhe que dê uma passadinha lá no HUMOR EM TEXTO, pois, temos crônica nova: VEADOS, ARARINHA E O BICHO HOMEM (rs).

Espero!

Um abração carioca.

Postar um comentário

 
PageRank